CAU na Mídia

Encontro Cidades da Amazônia e do Brasil 2024: CAU/PA apoia a ong Laboratório da Cidade no debate sobre os impactos das mudanças climáticas nas cidades da Amazônia.

Nos dias 5, 6 e 7 aconteceu, em Belém, o Encontro Cidades da Amazônia e do Brasil – evento realizado pelo Laboratório da Cidade, organização sem fins lucrativos que atua, desde 2017, com projetos focados em pensar cidades mais sustentáveis, democráticas e resilientes.

Encontro Cidades da Amazônia e do Brasil realizado pelo Laboratório da Cidade no Teatro Gasômetro, em Belém (PA).
Foto: Liliane Moreira

Dentre os temas abordados, o evento deu destaque à Adaptação das cidades amazônicas para o enfrentamento das mudanças climáticas; Justiça ambiental e direito à cidades resilientes e sustentáveis; Preparação da Amazônia para a COP30; Assistência técnica, plano de bairro e participação popular e outras temáticas importantes para o futuro das cidades da região. O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Pará apoiou o evento, integrando os debates, participando de atividades paralelas e disponibilizando a sede para encontros. 

Na sexta-feira (06 de abril), a presidente Arq. Urb. Taynara Gomes mediou a mesa de abertura intitulada “O futuro ancestral das cidades da Amazônia” com o pesquisador Vinícius Peripato (INPE), o pesquisador Marcos Pereira Magalhães (Museu Emílio Goeldi) e a Profª. Drª. Ana Cláudia Cardoso (FAU/PPGAU-UFPA), debatendo-se as cidades amazônicas antigas descobertas por geoprocessamento e os saberes ancestrais que podem apontar para futuros mais adaptados e sustentáveis para os espaços urbanos amazônicos contemporâneos.

“A gente tem furado a bolha. As pesquisas e as informações sobre as cidades Amazônicas demonstram que a gente acumula um acervo ancestral e um saber tradicional muito importante para a manutenção da nossa cultura mas também para as futuras decisões na cidade”
Arq. Urb. Taynara Gomes

Foto: Liliane Moreira

A vice-presidente, Profª. Drª. Helena Tourinho também participou do evento, compondo a mesa do Painel “Da COP de Belém para a Amazônia” com a pesquisadora Brenda Brito (Imazon) e o Prof. Dr. Everaldo de Souza (PPGCA-UFPA). Os painelistas abordaram as mudanças climáticas na cidade de Belém e o impacto nas pautas de adaptação da cidade. Profª. Helena Tourinho trouxe os polígonos e obras de investimento na cidade para a COP e enfatizou a importância da participação popular nas decisões públicas e o acompanhamento da sociedade civil destas obras. 

“Precisamos acompanhar as mudanças na cidade. O processo participativo do Plano Diretor está aberto e é importante que todos acompanhem e participem”
Profª. Drª. Helena Tourinho

Foto: Liliane Moreira

Já no sábado (07 de abril), o CAU/PA participou das atividades paralelas, compondo a mesa “O direito à moradia em tempos de adaptações às mudanças climáticas” com a Conselheira Arq. Urb. Ana Clara Fonseca e Luana Souza (MLB). Também foi sede da atividade “Como estamos pensando estratégias para a redução de riscos dos eventos climáticos em cada um dos biomas brasileiros?” realizada pelo Arq. Urb. Leonardo Brawl da ong Translab.Urb (RS).

Foto: Diva Nassar

O CAU/PA reitera a importância da construção coletiva no planejamento urbano e decisões públicas para a cidade, especialmente frente às mudanças climáticas que já impactam as cidades Amazônicas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS

O direito às cidades adaptadas na Amazônia Urbana: Presidente do CAU/PA participa sobre mesa acerca do enfrentamento das mudanças climáticas nas cidades amazônicas.

V Diálogos Urbanos: Promovido pelo PPDMU e apoiado pelo CAU/PA, o evento recebeu Raquel Rolnik para conferência inaugural.

Arq.diálogos: primeira edição mobiliza arquitetos paraenses para falar de marketing e mídias sociais.

Pular para o conteúdo